Pastoral da visitação

Um excelente subsídio sobre a atividade missionária nas paróquias

| 1600 visitas

Por Thácio Siqueira

BRASILIA, segunda-feira, 25 de junho de 2012 (ZENIT.org) - “Se a paróquia não for missionária, dificilmente formará pessoas para a missão e existirá apenas para uma pastoral de manutenção”, diz o Pe. José Carlos Pereira na introdução do seu livro em lançamento pela editora Paulus, intitulado “Pastoral da Visitação”, disponível em língua portuguesa.

O Pe. José Carlos Pereira é passionista, licenciado em Filosofia, bacharel em teologia, mestre em Ciências da Religião e doutor em Sociologia.

Na sua citada obra, faz um estudo que pode ajudar a reflexão paroquial sobre o ser discípulos e missionários, conforme pedido pelo documento de Aparecida. “A pastoral da visitação pretende ser algo permanente, contínuo, fazendo com que a Igreja, representada nos agentes de pastoral da paróquia, vá até a as pessoas, e não apenas espere que as outras possam ir até ela”, afirma na sua obra.

Todos sãos chamados a serem pastores do rebanho, já que “a pastoral da visitação nasce da necessidade de bons pastores, daqueles que deixam no redil as noventa e nove ovelhas que estão seguras e vão ao encontro daquela que se perdeu ou se desgarrou do rebanho”.

“O padre, sozinho, não consegue visitar a todos da sua paróquia. E, mesmo que conseguisse, não é correto que ele faça tudo sozinho. A paróquia não é somente o padre.” A necessidade de dividir o trabalho nas comunidades é imprescindível. “É preciso dividir trabalho, repartir funções, partilhar a vida e as ações, somar forças”.

O objetivo dessa pastoral é que seja algo além de uma “mera pastoral de visitação  e passe a ser uma pastoral decididamente missionária.

Portanto, nessa obra, o Pe. José Carlos traça os objetivos específicos da pastoral da visitação e a pedagogia da visitação, pois “não dá mais para enxergar a missão apenas como algo além da paróquia. Se a Igreja começa na família, a missão da Igreja deve começar nas paróquias.” Como formar missionários, se na paróquia não têm missionários?

Para ter em mãos um roteiro completo da pastoral da visitação, essa obra do Pe. José Carlos Pereira, é um excelente subsídio de formação.