Pastoral dos migrantes: Papa pede iniciativas coordenadas

Em uma mensagem por ocasião do VIII Congresso Europeu sobre as Migrações

| 993 visitas

MÁLAGA, quarta-feira, 28 de abril de 2010 (ZENIT.org).- Bento XVI exortou os que atuam na atenção pastoral às pessoas que deixaram seu país de origem que busquem coordenar os diversos programas e iniciativas neste âmbito.

O pedido foi feito em uma mensagem enviada por meio do seu secretário de Estado, cardeal Tarcisio Bertone, ao presidente do Conselho Pontifício para a Pastoral dos Migrantes e Itinerantes, Dom Antonio Maria Vegliò, por ocasião do VIII Congresso Europeu sobre as Migrações, que se realiza em Málaga entre 27 de abril e 1º de maio.

"Sua Santidade Bento XVI saúda cordialmente os organizadores e participantes do Congresso Europeu sobre as Migrações, que se realiza em Málaga e tem como tema ‘Superar os medos. Traçar perspectivas'", indica a carta.

"E os encoraja a prosseguirem em seus esforços para assegurar um cuidado pastoral adequado a todos aqueles que sofrem com as consequências de ter deixado sua pátria ou de se sentirem sem uma terra de referência", prossegue o texto.

"Além disso, exorta a coordenar as iniciativas e programas para que possa chegar a todos a luz do Evangelho e, com ela, uma firme esperança de ver reconhecidos seus direitos e favorecidas suas possibilidades de uma vida digna em todos os aspectos", acrescenta.

O congresso, que se realiza na cidade espanhola, é promovido pelo Conselho de Conferências Episcopais da Europa.

Uma centena de delegados das conferências episcopais de toda a Europa, representantes de bispos, diretores nacionais das pastorais dos imigrantes, agentes pastorais, além de representantes da sociedade civil e da esfera política, estão participando do encontro.

O congresso tem como objetivo analisar as múltiplas causas e consequências, para o trabalho da Igreja, dos fluxos migratórios na Europa.

Os participantes estão analisando os desafios que o fenômeno migratório impõe à família, às paróquias e à sociedade em geral, informou a agência de informação da Conferência Episcopal Espanhola.

Também analisam as ações tomadas pela Igreja e pelos Estados diante da imigração, identificando os temores a serem superados e as perspectivas que direcionarão o trabalho de evangelização no continente.

O Papa invocou "a proteção maternal da Santíssima Virgem Maria sobre todos os participantes do congresso" e, através de sua mensagem, conferiu-lhes a "bênção apostólica".