Pe. Luca Gallizia, LC, é o novo reitor da Universidade Europeia de Roma

Ele substitui o pe. Paolo Scarafoni, LC, no cargo desde setembro de 2005

Roma, (Zenit.org) Redacao | 397 visitas

O pe. Luca Gallizia, LC, é o novo reitor da Universidade Europeia de Roma. A nomeação foi aprovada por unanimidade pelo Conselho de Administração, de acordo com as indicações da congregação dos Legionários de Cristo, entidade promotora da universidade.

Gallizia, que dirigirá a universidade durante os próximos três anos, substitui o pe. Paolo Scarafoni, LC, que ocupou o cargo de reitor desde setembro de 2005, ano da fundação da universidade.

O pe. Luca Gallizia é advogado pela Universidade de Milão e tornou-se sacerdote em dezembro de 2006. Sua formação na congregação dos Legionários de Cristo durou onze anos. Já como seminarista, ele estudou humanidades clássicas em Salamanca, Espanha, em 1998. Em 2002, terminou o mestrado em filosofia e, em 2006, em teologia, ambos pelo Ateneu Pontifício Regina Apostolorum, de Roma, no qual foi secretário geral durante quatro anos. Colaborou no processo de lançamento da Universidade Europeia de Roma em 2005. Desde 12 de setembro de 2012, era pró- reitor da universidade.

"Em nome do conselho e no meu próprio", disse o pe. Donal Corry, LC, presidente do Conselho de Administração da Universidade Europeia de Roma, "expresso ao pe. Paolo Scarafoni a profunda gratidão pelo enorme compromisso e dinamismo que ele deu à nossa jovem universidade em seus primeiros anos de vida. Graças a esta dedicação e à lealdade aos seus princípios inspiradores, a Universidade Europeia se consolidou sob a sua gestão e tem visto um crescimento progressivo do alunado e um enriquecimento constante da oferta formativa. O testemunho passa agora para o pe. Luca Gallizia, para quem vão os nossos melhores desejos. Tenho certeza de que , assistido pelo corpo docente e pelos colaboradores da área administrativa, ele ajudará a consolidar ainda mais o papel da Universidade Europeia de Roma como instituição educativa a serviço da Itália e da Europa".