Peshawar: Comunidade de Santo Egídio condena o atentado

A Comunidade está presente em várias cidades do Paquistão

Roma, (Zenit.org) | 422 visitas

"A notícia dramática de um atentado sangrento, um verdadeiro massacre, contra a minoria anglicana em Peshawar, no Paquistão, abala a Comunidade de Santo Egídio, presente em várias cidades do país, neste momento em que preparamos o XXVII Encontro Internacional pela Paz", declara em comunicado o presidente da Comunidade de Santo Egídio, Marco Impagliazzo.

O XXVII Encontro Internacional pela Paz, no final deste mês em Roma, “quer ser a resposta mais clara e sólida aos propósitos lamentáveis ​​de explorar as diferenças religiosas para alimentar conflitos de outro tipo. Com particular compromisso, aprofundaremos a reflexão sobre o terrorismo de caráter religioso".

"Enquanto condenamos com a máxima força esses episódios e instamos as autoridades do governo paquistanês a se envolverem de modo mais eficaz na proteção das minorias religiosas, participamos, com a oração e com a solidariedade, na dor que atingiu as famílias de muitos dos nossos irmãos, certos de que o martírio dos cristãos, infelizmente uma realidade atual do nosso tempo, não será um sacrifício estéril, mas poderá desencadear um processo virtuoso de conversão dos corações".

"Do diálogo entre mais de quatrocentos representantes de diferentes culturas e crenças, que vão participar dos encontros em Roma e apoiar o Apelo pela Paz 2013, surgirão de modo claro as razões para a convivência e para a cooperação entre as religiões, com a responsabilidade precisa de alimentar o compromisso comum com um futuro de paz para toda a humanidade", concluiu Impagliazzo.