Portugal: diminuição da natalidade preocupa

Roma, (Zenit.org) Redacao | 920 visitas

O semanário religioso português O Mensageiro,na edição de 27 de dezembro de 2012, informa que o ano terminou com o menor número de nascimentos em Portugal nos últimos 50 anos.

A causa, segundo a publicação, “é uma tendência persistente e não tanto a crise econômica”, porque as pessoas “esperam aumentar o número de filhos quando tiverem as condições necessárias e puderem oferecer aos filhos o que bem desejarem”.

Os dados da natalidade no país apresentaram resultados preocupantemente negativos: pouco mais de 80 mil bebês nasceram em 2012 em Portugal, quase 20.000 a menos que no ano anterior. Os números alarmaram o semanário luso.

Portugal é um dos países mais afetados pela crise econômica europeia, o que obriga os habitantes “à austeridade”, recorda O Mensageiro.