Prêmio ecumênico do festival de Cannes

A Paolo Sorrentino, por “This must be the place”

| 1380 visitas

CANNES, quarta-feira, 1º de junho de 2011 (ZENIT.org) - O júri ecumênico do 64º Festival de Cannes outorgou no dia 21 de maio seu prêmio ao filme “This must be the place” [Este deve ser o lugar, N. do T.], do diretor italiano Paolo Sorrentino.

“Um drama clássico de una grande riqueza e de uma estética rebuscada” – escreve o júri ecumênico –, “que abre com graça pistas de reflexão graves e profundas”.

Através de Cheyenne, estrela do rock fracassada, Paolo Sorrentino oferece a viagem interior e a odisseia de um homem em busca de suas raízes judaicas, da maturidade, da reconciliação e da esperança.

O prêmio do júri ecumênico do Festival de Cannes existe desde 1974. Trata-se de um júri composto por cristãos comprometidos no mundo do cinema (jornalistas, produtores, professores).