Projeto salesiano para crianças de rua de Benin

Impulsionado pela ONGD Solidariedade Dom Bosco

| 974 visitas

PORTO NOVO, terça-feira, 18 de março de 2008 (ZENIT.org).- A ONGD Solidariedade Dom Bosco, junto com o Foyer Dom Bosco de Porto Novo, capital do Benin, e com a colaboração da Câmara dos Deputados de Huelva, iniciou o projeto «Medidas educativas e de sensibilização para a reinserção social das crianças de rua de Porto Novo».

O objetivo deste projeto é reduzir o fenômeno das crianças de rua nesta capital e difundir na sociedade desta população uma nova consciência sobre o problema das crianças de rua, criando e colocando à disposição destes menores os recursos para sua reinserção social, informa a Agência de Notícias Salesiana.

O projeto se desenvolve a poucos quilômetros de Cotonou, onde existe um dos maiores mercados ao ar livre da região da África Ocidental.

O fenômeno das crianças de rua está crescendo alarmantemente na África subsaariana. Em Porto Novo, é freqüente ver dezenas de menores perambulando sem rumo pelos mercados, oferecendo seus serviços como carregadores ou procurando comida entre as sobras. A mendicância e a delinqüência não lhes são desconhecidas. Os perigos da vida na rua, a violência, os abusos, as drogas fazem parte de seu dia-a-dia, o que os leva a ir perdendo pouco a pouco sua auto-estima, até chegar a convencer-se de que não podem escapar dessa realidade.

Trata-se de um projeto que beneficiará de maneira direta aproximadamente 70 crianças e jovens entre 6 e 18 anos, que vivem na rua ou que trabalham em regime de exploração. Como destinatários indiretos do projeto, serão beneficiadas as famílias daqueles menores para os que se consiga a reinserção familiar.