Renovação Carismática Católica envia primeiras missionárias para a África

Duas missionárias da Renovação Carismática Católica do Brasil partiram ontem (01) para a Uganda

| 2067 visitas

BRASILIA, sexta-feira, 02 de novembro de 2012 (ZENIT.org) - Duas missionárias da Renovação Carismática Católica do Brasil partiram ontem (01) para a Uganda. Essa é a primeira vez que o movimento terá uma base de missão no exterior. No país, a RCC mantém quatro Casas de Missão em diferentes regiões: duas na Ilha do Marajó, em Breves/PA e Afuá/PA, uma em Pelotas/RS e outra em Canas/SP.

As jovens Fabiany de Souza Silva, natural de Várzea Grande/MT, e Rita de Cássia Luiz de Sá, de Cacoal/RO, atuavam há mais de um ano na Casa de Missão em Pelotas/RS. Depois de um longo processo de formação, discernimento e planejamento, elas partem para a cidade de Mbarara, onde desenvolverão trabalhos junto à comunidade carismática Yesu Ahuriri. Para acompanhá-las no trajeto até lá, também viajaram hoje o Diretor Executivo do Escritório Nacional, Márcio Zolin, e a secretária geral do Conselho Nacional da RCCBRASIL, Maria Beatriz Spier Vargas.

Dentre as frentes de missão a serem desenvolvidas em Uganda encontra-se o trabalho de promoção humana com crianças abandonadas, órfãos, portadores de HIV/AIDS e população carente em geral. As missionárias se engajarão ainda na evangelização de jovens nas escolas e na zona rural, além de se dedicarem à formação e acompanhamento de lideranças e Grupos de Oração da RCC local.

Apesar dos desafios linguísticos e sociais que envolvem essa missão, o entusiasmo e o ardor missionário eram marcantes na fala das jovens durante uma Missa especial realizada na noite de ontem (31). "Os africanos vieram para o nosso país escravizados, nós somos descendentes deles. Inflama nossos corações saber que, hoje, iremos para lá livres para proclamar a Boa Nova de Deus àquele povo", declarou Fabiany.

A parceria entre a RCC do Brasil e da Uganda para o desenvolvimento de trabalhos missionários vem sendo construída há vários anos e começou em uma reunião do Serviço Internacional para a Renovação Carismática, o ICCRS. Na ocasião, o presidente do movimento no Brasil, Marcos Volcan, fez uma apresentação do trabalho realizado na Missão Marajó. Tal fala despertou o interesse do representante da RCC africana de língua inglesa, padre Emmanuel Tusiime, a convidar missionários brasileiros para evangelizar em Uganda. A partir disso, os laços foram sendo estreitados por visitas do padre Emmanuel ao Brasil e uma visita de líderes do Conselho Nacional à Uganda.

Os últimos detalhes do envio foram decididos durante o Encontro Mundial de Jovens da RCC, realizado em julho em Foz do Iguaçu. A previsão é de que as missionárias brasileiras permaneçam dois anos no país africano.

O recurso para o envio das missionárias veio de uma única coleta feita durante o Congresso Nacional da RCCBRASIL de 2010, realizado em Belo Horizonte. Da mesma forma que acontece com as outras Casas de Missão, a manutenção da missão na África também será feita através das contribuições dos membros do movimento.

Para saber mais:

Portal RCCBRASIL www.rccbrasil.org.br

Missão Marajó: www.missaomarajo.org.br

(Fonte: Assessoria de imprensa RCC Brasil)