Salesianos acolhem vítimas das enchentes no Paquistão

Proporcionam alimentos às famílias atingidas

| 1064 visitas

QUETTA, sexta-feira, 27 de agosto de 2010 (ZENIT.org) - Os salesianos responderam à tragédia provocada pelas enchentes no Paquistão, oferecendo o necessário para a sobrevivência de milhares de famílias atingidas.

O "Jugend Eine Welt" (ONG salesiana de Viena), contactou em 17 de agosto o sacerdote Peter Zago, que desempenha seu ministério no Paquistão, confiando-lhe uma contribuição inicial de 5 mil euros para as vítimas das inundações.

O salesiano, comunicando a impossibilidade de poder chegar até as áreas inundadas na região Norte-Ocidental do país, comprometeu-se a utilizar o dinheiro para acompanhar milhares de famílias deslocadas da região de Sibi e outras áreas adjacentes. Trata-se de mais de 50 mil famílias distribuídas em quatro ou cinco campos.

Como ocorreu em outubro de 2005, quando um terremoto atingiu o Paquistão, os salesianos de Quetta mobilizaram jovens dispostos, organizando-os em 4 grupos para ajudar mais pessoas.

"Nossa contribuição é aumentar a presença e entregar às famílias o necessário para a sobrevivência - explica Dom Zago. O empacotamento e o transporte são feitos por uma empresa local."

A assistência salesiana entrega a cada família uma caixa de sobrevivência para um mês.

Cada família recebe uma cesta básica com 50 kg de farinha, 5 kg de azeite de cozinha, 10 kg de leguminosas, 6 kg de chá e açúcar, uma caixa de medicamentos, água mineral e algumas vasilhas.

Cada caixa custa cerca de 8.800 rúpias (81,50 euros).

"A quantidade foi calculada para um mês inteiro, de forma que as famílias possam retornar ao seu país com comida suficiente para a viagem. Estamos nos preparando para uma segunda fase do projeto de intervenção: ajudar as famílias que já retornaram às suas localidades de origem e ajudá-las na reconstrução de suas casas e na recuperação das colheitas e gado que tinham", explica o Pe. Zago à agência de notícias salesiana.

O Pe. Zago conta como o primeiro contato foi feito, porém não foi fácil: "Literalmente fomos atacados por pessoas de todas as idades, homens, mulheres e crianças chorando. Cercaram rapidamente o carro em que viajávamos".

Também outra comunidade do Paquistão, em Lahore, está sendo preparada para entregar diretamente ajudas nas áreas atingidas pelas inundações de Sindh e de Panjab, ao Norte.

No site dos salesianos de Quetta, www.donboscoquetta.multiply.com, é possível ver fotografias e vídeos sobre seu trabalho de ajuda.