Santa Maria Domingas Mazarello

Maria Domingas nos deixa um sublime testemunho de perseverança e ousadia não obstante os desafios de sua época.

Horizonte, (Zenit.org) Fabiano Farias de Medeiros | 408 visitas

Maria Domingas Mazzarello nasceu no dia 9 de Maio de 1837 em Mornese-Piemonte, no Norte da Itália. Nasceu no seio de uma família de camponeses fervorosos na fé e dedicados ao trabalho. A primeira de dez filhos, do casal José e Madalena Calcagno, desde cedo dedicou-se aos trabalhos do campo e caseiros nutrindo um forte amor pela eucaristia e pela Santa Missa.

Aos 10 anos, Maria mudou-se com a família para a localidade de Valponasca, devido a uma epidemia de cólera. Seus pais, além do trabalho, eram muito dedicados à educação cristã de seus filhos e logo confiaram a educação e formação de Maria ao padre Domingos Pestarino. A casa de Maria ficava próxima da igreja local e da janela ela acompanhava atenta todos os acontecimentos.

Aos 17 anos, Maria tomou parte na fundação da Pia Sociedade das Filhas da Imaculada. No dia 09 de dezembro de 1855 na Paróquia de Mornese ela e mais algumas jovens sob a orientação do padre Pestarino deram início aos trabalhos de assistência aos enfermos, às jovens desamparadas zelando por seu acolhimento e catequese. No ano de 1857 uma epidemia de tifo se abateu sobre toda a comunidade. Como não havia remédios, o desespero tomou conta da comunidade e coube ao padre Pestarino e  as jovens cuidar dos doentes e enterrar os mortos. Maria soube que alguns de sua família estavam doentes e partiu para cuidá-los. Maria findou por ficar infectada também pela doença e não pôde mais dar continuidade.

Reclusa em casa, não cessou sua missão. Começou a ensinar as jovens, instruindo-as na fé e na didática. Aprendeu também a costurar e em pouco tempo reuniu as jovens para aprender este ofício criando assim um internato. No ano de 1864, padre Pestarino viajou e nesta empreitada encontrou-se com Dom Bosco e o convidou a visitar as jovens em Mornese. Dom Bosco visitou-as e conheceu Maria. O santo reconheceu naquela iniciativa o complemento da sua missão iniciada com os rapazes. Com sua benção e intensa preparação, em 1872 nasceu o Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora, as Irmãs Salesianas tendo Maria Domingas como superiora.

Maria faleceu aos 44 anos, no dia 14 de Maio de 1881. Foi canonizada pelo papa Pio XII em 1951.