Santo Isidoro Lavrador

Na humildade e piedade de Isidoro, foi forjada a grandeza e força de sua santidade que o fez ser merecedor das honras dos altares.

Horizonte, (Zenit.org) Fabiano Farias de Medeiros | 214 visitas

Isidoro nasceu em Madri, capital da Espanha. Era filho de camponeses humildes e muito fervorosos no seguimento de Cristo. Como eram pobres, Isidoro desde cedo iniciou seus trabalhos no campo de modo que não teve acesso aos estudos em virtude de ajudar a família. Mesmo diante desta limitação, seu coração alçava livre vôo e não perdia a oportunidade de poder estar a escutar a Palavra de Deus. Desenvolveu o hábito de parar uma vez ao dia e de joelhos, em meio aos campos que trabalhava, rezar o santo terço.

Certa vez seu patrão João de Vagas foi relatado que Isidoro havia deixado de trabalhar para ir à Igreja. Seu patrão, tocado pelo testemunho de piedade e vigor servil do jovem, permitiu-lhe assistir à missa e depois iniciar seus trabalhos. Isidoro ia crescendo em graça e santidade, sendo fiel aquilo que Deus lhe confiava. Era um jovem muito preocupado com os mais necessitados, os quais acolhia e distribuía com eles seus bens ficando somente com o necessário para sua família.

Logo veio a casar-se com a jovem Maria Turíbia e o casal teve um filho que logo faleceu. O casal permaneceu fiel aos desígnios de Deus e segundo a história, a esposa de Isidoro em pouco tempo veio a falecer. Isidoro permanecia firme em seus trabalhos e na sua piedosa devoção. Certo dia, o patrão foi fiscalizar seu trabalho e teve a visão de um anjo arando a terra juntamente com Isidoro. O patrão, perplexo com o que viu, exaltou a devoção de Isidro e pediu que nunca deixasse seus compromisso de oração e piedade e reconhecia não ter na região um campo melhor cultivado.

Isidoro faleceu no dia 15 de Maio de 1170. Foi canonizado pelo Papa Gregório XV no ano de 1622. Santo Isidoro Lavrador é o padroeiro de Madri e de todos o lavradores.