Santos, modelos eficazes para a nova evangelização

A festa de Todos os Santos e o Sínodo dos Bispos

| 1217 visitas

Anita Bourdin

ROMA, quarta-feira, 31 de outubro de 2012 (ZENIT.org) - Os santos são "modelos eficazes" para a Nova Evangelização. Esta afirmação vem do Sínodo dos Bispos,em sua Proposição23, que foi entregue ao papa Bento XVI: "A santidade é uma parte importante de toda a obra de evangelização, tanto para quem evangeliza quanto para o bem dos que são evangelizados". É uma mensagem em perfeita harmonia com a festa de Todos os Santos, que celebramos neste 1º de novembro.

Os padres sinodais dedicam toda a Proposição 23 à santidade dos novos evangelizadores. "O chamamento universal à santidade é constitutivo da Nova Evangelização, que vê nos santos um modelo eficaz da variedade de maneiras para a realização desta vocação", escrevem os padres sinodais.

"O que é comum nas várias histórias de santidade é o seguimento de Cristo, que se expressa em uma vida de fé ativa no amor, como proclamação privilegiada da Igreja", prosseguem os padres.

O sínodo vê em Maria o modelo de todos os santos: "Nós reconhecemos em Maria um modelo de santidade manifestada em atos de amor que vão até o dom supremo de si mesmo".

A Proposição 22 evoca a "conversão" e a "renovação na santidade", necessária para os novos evangelizadores. "O drama de todos os tempos e a intensidade da batalha entre o bem e o mal, entre a fé e o medo, devem ser apresentados como o fundamento essencial, um elemento constitutivo do apelo à conversão a Cristo". Esta luta continua nos âmbitos natural e sobrenatural. "Mas quão estreita é a porta e apertado o caminho que leva à vida, e como são poucos aqueles que o encontram!" (Mt 7,14).

Vários bispos falaram da necessidade de renovação na santidade da sua própria vida, se eles querem ser agentes verdadeiramente eficazes da nova evangelização.

Os padres sinodais insistiram ainda na "conversão pessoal e comunitária" e até na conversão "pastoral".

(Trad.ZENIT)