Telegrama de pêsames do Papa pela morte do cardeal Alfonso López Trujillo

Enviado a seu irmão, Aníbal López Trujillo

| 2454 visitas

CIDADE DO VATICANO, segunda-feira, 21 de abril de 2008 (ZENIT.org).- Publicamos o telegrama de pêsames pela morte do cardeal Alfonso López Trujillo, presidente do Conselho Pontifício para a Família, ocorrida em 19 de abril, enviado por Bento XVI ao irmão do purpurado.

* * *

SENHOR ANÍBAL LÓPEZ TRUJILLO

PIAZZA S. CALISTO, 16

00153 ROMA

AO RECEBER A TRISTE NOTÍCIA DO FALECIMENTO DO QUERIDO CARDEAL ALFONSO LÓPEZ TRUJILLO, PRESIDENTE DO CONSELHO PONTIFÍCIO PARA A FAMÍLIA, QUERO EXPRESSAR-LHE MINHAS MAIS SENTIDAS CONDOLÊNCIAS, AO SENHOR, A SEUS IRMÃOS FLÁVIO E ASDRÚBAL, ASSIM COMO A TODOS OS SEUS FAMILIARES. NESTES DOLOROSOS MOMENTOS, EU ME SINTO MUITO PRÓXIMO DE TODOS VOCÊS E PEÇO A DEUS, POR INTERCESSÃO DE NOSSA SENHORA DE CHIQUINQUIRÁ, QUE CONCEDA O ETERNO DESCANSO A ESTE INFATIGÁVEL PASTOR, TÃO GENEROSAMENTE ENTREGUE AO SERVIÇO DA IGREJA E DO EVANGELHO DA VIDA.

SEU TRABALHO MINISTERIAL, DESEMPENHADO COMO SACERDOTE E BISPO AUXILIAR DE BOGOTÁ, COMO ARCEBISPO DE MEDELLIN, SECRETÁRIO E PRESIDENTE DO CONSELHO EPISCOPAL LATINO-AMERICANO, PRESIDENTE DA CONFERÊNCIA EPISCOPAL DA COLÔMBIA E, FINALMENTE, COMO PRESIDENTE DO CONSELHO PONTIFÍCIO PARA A FAMÍLIA, É UM CLARO TESTEMUNHO DE SEU PROFUNDO AMOR À IGREJA E DE SUA DEDICAÇÃO À NOBRE CAUSA DA PROMOÇÃO DO MATRIMÔNIO E DA FAMÍLIA CRISTÃ.

NESTA CIRCUNSTÂNCIA, É-ME GRATO ENVIAR-LHES COM AFETO A CONFORTADORA BÊNÇÃO APOSTÓLICA, QUE ESTENDO A QUEM O ASSISTIU, ASSIM COMO AOS BISPOS, SACERDOTES, COMUNIDADES RELIGIOSAS E FIÉIS QUE O ACOMPANHARAM DE PERTO COM SUA AMIZADE E COLABORAÇÃO.

BENEDICTUS PP. XVI

[Tradução: Élison Santos. Revisão: Aline Banchieri]