Tempo de alegria e agradecimento

Cerimonia de homenagem durante a 50° edição da Assembléia Geral dos Bispos da CNBB

| 1079 visitas

APARECIDA, sábado, 21 de abril de 2012(ZENIT.org) – Os prelados reunidos em Aparecida participaram nesta última quinta-feira da cerimônia em homenagem aos 60 anos de fundação da CNBB e da 50° edição da Assembléia Geral dos Bispos da CNBB.

A cerimônia contou com uma apresentação da orquestra do PEMSA (Projeto de Educação Musical do Santuário de Aparecida), criado em 2003 pelos Missionários Redentoristas, com o objetivo primeiro de se tornar coral e orquestra do Santuário. Este tem como missão, promover educação e cultura através da música, direcionado a crianças, adolescentes e jovens de Aparecida e região.

“Estamos vivendo, pois, tempos de jubileu. Tempo de alegria e de agradecimento a Deus e a todas as pessoas que se empenharam, durante a caminhada, na busca de fidelidade ao Senhor, realizando a história colegial da nossa Conferência”, afirmou o cardeal arcebispo de Aparecida e presidente da CNBB, Dom Raymundo Damasceno Assis.

Dom Damasceno recordou que a Assembleia da CNBB foi “criada dez anos antes do Concílio Vaticano II, que lhe deu maioridade eclesiológica, oferecendo-lhe maior fundamentação bíblico-teológica, motivando-a para a evangelização do Povo de Deus”.

“A colegialidade episcopal foi, sem dúvida, um eixo central na eclesiologia do Concílio Vaticano II, através da Constituição Lumen Gentium e do decreto Christus Dominus, sobre o múnus pastoral dos Bispos na Igreja, que institucionalizou as conferências episcopais”, continuou o prelado.

Durante a cerimônia foi anunciado que para assinalar o 60ª aniversário de nossa Conferência e a realização de sua 50ª Assembleia Geral, a CNBB editou pequena porém importante obra – “CNBB: 60 anos e 50 Assembleias Gerais – memória, ação de graças e compromisso” –, em que se apresentam alguns dados e documentos historicamente relevantes para a instituição.