Toda a América Latina tem feito um grande esforço na formação e criação de Institutos da Família

Balanço do 2º Encontro Nacional das Assessorias de formação da Pastoral Familiar da CNBB

Brasília, (Zenit.org) Redacao | 492 visitas

Publicamos a seguir o balanço do 2º Encontro Nacional das Assessorias de formação da Pastoral Familiar enviado hoje a ZENIT pelo casal Raimundo (mais conhecido como Tico) e sua esposa Vera Lúcia, casal coordenador da comissão Nacional da Pastoral Familiar.

***

O 2º. Encontro Nacional das Assessorias de Formação da Pastoral Familiar, realizado nas dependências do Pontifício Instituto João Paulo II para Estudos sobre Matrimônio e Família (Salvador), nos dias 21 e 22 de setembro/2013, teve como objetivos: a) promover a unidade e a comunhão nos serviços de formação de agentes para a Pastoral Familiar, valorizando a diversidade das experiências existentes;  b) reforçar a importância e a necessidade da formação sistemática de agentes para a Pastoral Familiar, oferecida pela CNPF, através do INAPAF.

Conduzido pelo casal Tico e Vera, coordenadores da Comissão Nacional de Pastoral Familiar - CNPF, juntamente com os assessores pedagógicos do Instituto Nacional da Família e da Pastoral Familiar - INAPAF, esse encontro contou com o incondicional apoio do Presidente da Comissão Episcopal Pastoral - CEPVF, Dom João Carlos Petrini e do seu Assessor para o setor Vida, Padre Rafael Fornasier, acolhendo coordenadores de Pastoral Familiar e representantes dos Núcleos de Formação e Espiritualidade de diversos regionais da CNBB. Com a graça de Deus pode-se proclamar que esse encontro transcorreu em clima de paz e de serenidade e que os assuntos ali expostos, apreciados e discutidos foram esclarecedores e enriquecedores, servindo para otimizar a formação de agentes da Pastoral Familiar.

Concretamente, foi apresentada aos presentes uma proposta de GUIA DO AGENTE, com orientações práticas sobre a formação sistemática oferecida pelo INAPAF através das modalidades de Cursos: Presenciais, Semi-presenciais e à Distância. Na oportunidade, foi sugerido que a proposta do referido Guia fosse enviada para os demais casais regionais (nem todos se fizeram presentes), como forma de participação mais ampliada da apreciação do ali contido e, se for o caso, apresentação de sugestões.

Destaque se deve à abertura dos trabalhos no domingo, feita por Dom Petrini que, com serenidade e autoridade, parabenizou o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo INAPAF, enfatizando a importância da formação centrada no magistério da Igreja e pensada de uma maneira mais positiva e adequada à realidade, numa linguagem mais atualizada e mais  focada no anúncio da grandeza do amor gratuito vivido como dom de si mesmo, o que tem sido uma raridade dentro da igreja e da própria família. Alertou, ainda, sobre a necessidade do INAPAF fortalecer e expandir seu trabalho, estando atento às necessidades atuais de inovações. Na oportunidade, Dom Petrini informou, também, que toda a América Latina tem feito um grande esforço na formação e criação de Institutos da Família, estabelecendo uma rede de Institutos ligadas ao Pontifício Instituto da Família, em Roma, como forma de incentivar estudos mais aprofundados sobre o matrimônio e a família na sociedade contemporânea.

Encerrando o encontro foi aprovada uma carta de recomendações, onde os participantes se propuseram, entre outras, a envidar todos os esforços para criar e manter, entre as equipes de formação da Pastoral Familiar no Brasil, a unidade pedida pelo próprio  Jesus Cristo no evangelho de João,  “Para que todos sejam um, assim como tu, Pai, estás em mim e eu em ti...”, (Jo 17, 21), animando, criando e implantando os Núcleos de Formação e Espiritualidade em todos os regionais da CNBB e  estendendo-o às (arqui) Dioceses e Paróquias do Brasil. 

Na expectativa de que esse encontro gere os frutos almejados, a Comissão Nacional de Pastoral Familiar, juntamente com a equipe nacional de assessoria pedagógica agradece a Deus pelas graças alcançadas e a todos os participantes que confiaram e abraçaram a proposta do encontro.