Todo o Brasil se mobiliza em prol da dignidade da pessoa humana

Essas marchas demonstram que existe, no Brasil, uma crescente consciência em torno da luta pelo direito de nascer e pela chamada cidadania total

São Paulo, (Zenit.org) Ivanaldo Santos | 552 visitas

No domingo, 06/10/2013, houve várias marchas, em prol da dignidade da pessoa humana, da vida e da família, em várias cidades do Brasil. Entre as principais marchas é possível citar as que ocorreram nas cidades de Recife e do Rio de Janeiro.

O público que formou essa marchar foi muito variado, passando por famílias inteiras, jovens e membros da terceira idade.

Foram marchas alegres que, no autentico espírito da democracia, criticaram o aborto, o infanticídio e outros valores da cultura da morte. Com relação a essas marchas é possível se fazer, dentre outros fatores, duas importantes observações.

Primeira, é preciso fazer uma homenagem à multidão de cidadãos brasileiros que participaram na marcha em Recife. Foi uma das marchas mais organizadas e com maior participação popular dos últimos anos. Calcula-se que em torno de 50 mil pessoas participaram dessa marcha. Isso demonstra o quanto a consciência provida tem atingido amplos setores da sociedade brasileira. A cada dia o Brasil torna-se um país com maior participação popular na luta pela defesa da vida e pela dignidade da pessoa humana. E a cidade de Recife é um bom exemplo dessa participação.

Segunda, essas marchas demonstram que existe, no Brasil, uma crescente consciência em torno da luta pelo direito de nascer e pela chamada cidadania total que envolve o ser humano desde a concepção até a morte natural. Muita coisa ainda tem que ser feita em prol da cidadania total, mas a existência dessas marchas demonstra que o Brasil está no caminho certo na luta contra o aborto e outras manifestações da cultura da morte.