Uma inovadora proposta de um Seminário de Bioética

Dos dias 13-15 de Julho em Brasília

| 1082 visitas

Pe. Rafael Fornasier*

BRASILIA, segunda-feira, 18 de junho de 2012 (ZENIT.org) - O clássico filme “Tempos Modernos” de Charles Chaplin foi uma bela produção cinematográfica de 1936, que fazia uma crítica às condições de trabalho padecidas pelo homem de seu tempo, devido ao grande avanço da técnica. A reflexão ética sobre o trabalho humano e o justo salário vão começar a surgir somente após a implementação de novas formas de trabalho e de mecanismos, que relegavam muitas vezes o homem e suas condições dignas de vida a um segundo plano, em prol do máximo rendimento. De certo tal reflexão ainda é atual.

Aqui cabe fazer uma analogia entre a reflexão da ética social, surgida a partir da transformação do trabalho pela técnica, e a reflexão bioética. Após muitas pesquisas com seres humanos – algumas destas marcaram a história, como as dos campos de concentração nazistas -, experimentos com novas biotecnologias, aplicação da técnica em favor da eliminação do ser humano no ventre materno, produção de armas nucleares, supressão de deficientes e idosos, entre outros, a reflexão se viu forçada a pensar a eticidade de tantas propostas de inovações científicas que hoje invadem o cotidiano de qualquer pessoa. De fato, a máxima deve ser repetida: nem tudo o que a técnica é capaz de realizar é moralmente lícito.

A Comissão Episcopal Pastoral da Juventude da CNBB, juntamente com a Comissão E. P. para Vida e Família fazem uma inovadora proposta de um Seminário de Bioética (13-15 de julho, em Brasília) para tantos jovens que hoje são chamados a se tornarem novos críticos da realidade em que vivemos. E não só. Muitos, graças a seu percurso formativo e profissional, são chamados a se tornarem verdadeiros atores no cenário de um mundo em constante transformação pelas novas biotecnologias. É, de fato, um grande sinal de um novo e alegre comprometimento e protagonismo do jovem católico no seio da sociedade brasileira em favor da cultura da vida.

Para fazer a inscrição clique neste link: http://www.jovensconectados.org.br/seminario-bioetica

*Pe. Rafael Cerqueira Fornasier é sacerdote da Arquidiocese de Niterói, membro da Comunidade Emanuel, mestre em Antropologia Teológica e assessor da Comissão Episcopal Pastoral para Vida e Família da CNBB.