Urgência de evangelizar implica todo batizado, afirma arcebispo

Arquidiocese do Rio de Janeiro fará envio da “missão continental”

| 1126 visitas

RIO DE JANEIRO, quarta-feira, 21 de outubro de 2009 (ZENIT.org).- A arquidiocese do Rio de Janeiro fará no próximo domingo o envio missionário dentro do contexto da “missão continental”, recordando que “a urgência em divulgar as mensagens de Cristo a todo tempo e em qualquer lugar é uma obrigação de todo batizado”, afirma o arcebispo Orani João Tempesta.

Em artigo enviado a Zenit ontem, Dom Orani assinala que evangelizar é uma “necessidade hoje mais do que imperativa no mundo em que vivemos, marcado pelo neopaganismo, pelo hedonismo, subjetivismos e pelo individualismo”.

“A razão última da missão de evangelizar nasce da vontade de Deus Pai, expressa por Jesus Cristo, que quer que todos sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade”, explica Dom Orani.

Assim, o cristão –prossegue o arcebispo–, “seduzido pelos ensinamentos de Jesus Cristo, não pode deixar de testemunhá-Lo onde quer que esteja, isto é, na sua casa, no seu trabalho, no seu convívio social”.

“Quem é verdadeiramente discípulo, é também missionário, e vive em estado de missão permanente”, destaca.

Deus “necessita de homens e mulheres que sejam testemunhas de que Ele está ao nosso lado, e age sempre através das pessoas que creem Nele e fazem de sua vida o testemunho vivo de que Ele olha por nós”.

O arcebispo considera que “hoje também necessitamos de fazer a nossa parte para que o Cristo seja anunciado pelo nosso testemunho e pelas nossas palavras, e dizer a todos que vale muito a pena lutar para que Ele seja conhecido e amado”.