Usem o corpo para dar glória a Deus

Arcebispo de Westminster transmite mensagem olímpica

| 953 visitas

LONDRES, terça-feira, 31 de julho de 2012 (ZENIT.org) - Dom Vincent Nichols, arcebispo de Westminster, oficiou uma missa no último dia 28 de julho para agradecer a Deus pelos Jogos Olímpicos de Londres e deixou uma mensagem clara para os atletas: "Usem o seu corpo para dar glória a Deus".

O prelado retomou o tema central deste ano da Jornada pela Vida no Reino Unido e recordou aos fiéis que os nossos corpos são templos do Espírito Santo, sublimando o sentido mais profundo das conquistas do esporte: dar glória ao Criador.

Falando dos altos ideais que alicerçam os Jogos Olímpicos, o arcebispo se referiu à equidade na competição, à amizade entre os adversários, às conquistas individuais e ao orgulho nacional. E também refletiu que esses ideais, para serem eficazes, precisam ser postos em prática, conforme o beato João Paulo II já tinha dito aos participantes nos Jogos Europeus para Cegos em 1985: "As suas conquistas esportivas são uma prova das suas grandes capacidades humanas. Não se deixem vencer pelas dificuldades. Estejam decididos a vencê-las! Nisto, vocês demonstram valentia e grandes dons de mente e de vontade".

Em sua homilia, dom Nichols refletiu sobre os 100 dias de paz, incentivando as escolas a treinarem para a paz assim como os atletas treinam para os seus eventos. "As virtudes clássicas da temperança, da fortaleza, da justiça e da valentia são fundamentos da verdadeira realização humana, seja na cidadania, seja no esporte". O arcebispo destacou também a recente criação, no país, da Fundação João Paulo II para o Esporte, lançada pelo papa Bento XVI durante a sua visita ao Reino Unido em 2010, que pode ser "o veículo para que a comunidade católica ajude a nossa sociedade a construir um legado digno destes jogos".

Nichols encerrou suas palavras motivando os fiéis "a despertar em nós a convicção de que os nossos corpos são sempre belos aos olhos de Deus, e que estão destinados a se elevar de novo à vida eterna, no momento da Vinda, quando tudo será novo no poder de Cristo Jesus, Deus e Senhor nosso".

Logo antes da homilia, dom Vincent Nichols leu a mensagem que o santo padre Bento XVI escreveu para os Jogos Olímpicos de 2012, divulgada no ângelus de 22 de julho, em Roma.