Último artigo da seção "Notícias"

Jerusalém: fechada a mesquita de al-Aqsa

A decisão das autoridades israelenses foi seguida do ferimento de um rabino extremista e a subsequente morte, causada pela política, do seu suposto homem-bomba

Roma, (Zenit.org) Redacao | 127 visitas

Alta tensão em Jerusalém. Tudo começou ontem, quando uma bala de uma pistola feriu um militante israelense-americano, o rabino Yehuda Glick, durante uma conferência sobre a reconstrução de um antigo templo judaico na mesquita de al-Aqsa. A situação piorou no início desta manhã, após o anúncio do assassinato, pelas ...

leia tudo